Stop loss: uma ferramenta para reduzir prejuízos com criptomoedas na hora da queda

Talvez você já tenha ouvido falar da ordem STOP — ou stop loss — normalmente utilizada para encerrar uma posição perdedora.

Por exemplo: você comprou EOS ao preço de 5,00 e não deseja perder mais que 10%. Neste caso você colocaria um STOP de venda no 4,50, ou seja, os 5,00 iniciais menos 0,50 (10%) de perda.

Assim que o preço da moeda cair para 4,50 a exchange vai automaticamente vender a fim de encerrar sua posição, limitando o prejuízo na casa dos 10%.

No exemplo acima estamos colocando um STOP LOSS de venda, ou seja, só será executada caso o BTC caia abaixo do preço que definimos, de 7.650 TUSD — repare que somos obrigados a definir qual preço vamos vender caso o mercado atinja os 7.650.

No caso, optei por vender até 7.645. É bom sempre colocar um valor abaixo do trigger (disparo) no caso do STOP de venda.

Agora vem o truque que poucos traders sabem: é possível utilizar o STOP pra COMPRAR uma moeda.

Aliás, é uma estratégia que recomendo bastante. Quando o ativo está negociando dentro de um canal, leia-se: com um suporte (piso) e resistência (teto) bem definidos, é normal esperar uma certa “agressividade” do mercado ao romper (sair) desta faixa de preço.

Uma estratégia que recomendo é comprar após o rompimento da resistência (teto).

Repare no gráfico acima como LTC negociou 30 dias dentro da faixa de 0,0115 e 0,0130. Neste caso, recomendo colocar um STOP de compra cerca de 2% acima da resistência.

Poder do Stop loss

Neste exemplo o nível seria 0,0133 — demonstrado abaixo na tela da exchange Bittrex. Quando o preço ultrapassar o trigger solicitado, a exchange irá automaticamente efetuar a compra de 2 LTCs ao preço de 0,0136.

A idéia deste artigo não é ensinar estratégias, mas sim mostrar o poder desta ferramenta que pode ser utilizada de várias maneiras.

Pessoalmente, gosto de deixar ordens STOP de compra em níveis estratégicos do BTC: USD 8.500, 9.800, 11.400  — assim se acontecer um rally enquanto eu estiver fora, não vou ser pego de surpresa.

Vai que sai uma notícia de aprovação do ETF ou algum país utilizando BTC como reservasmonetárias. Vai arriscar ficar fora deste foguete?

Sobre o autor

Marcel Pechman atuou como trader por 18 anos nos bancos UBS, Deutsche e Safra. Desde maio de 2017 faz arbitragem e trading de criptos, além de ser cofundador do site de análise de criptos RadarBTC.

Por: Marcel Pechman
Fonte: Portal do Bitcon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Does not receive any data from API
WhatsApp chat